ds

COMO HARMONIZAR OS CHAKRAS COM BIOMAGNETISMO

Dr Goiz não nos falou muito dos CHAKRAS durante o curso, mas nos ensinou a utilizar a Bioenergética para equilibrá-los, alinhando suas funções termobioeletromagnéticas com os órgãos correspondentes no organismo.

Em seu Livro O PAR BIOMAGNÉTICO (1992) Dr Goiz cita algo muito interessante sobre os Chacras almejando, na época, que neste século XXI fosse possível encontrar um Par Bioenergético para os Chacras e para muitos outros problemas de ordem Cromossômica, Emocional, Espiritual, Maligna, Disfunção Hormonal entre outros problemas que afetam os seres humanos em sua saúde física, anímica e espiritual.

Segundo cita Dr Goiz: “…o futuro é trabalhar na regeneração dos tecidos, já que a informação genética está presente em cada célula e a capacidade regenerativa tissular é obvia…A Natureza só se deve entender e manusear com a mesma Natureza – e isso nos justifica ao descobrir, entender, valorizar e classificar os fenomênos Biomagnéticos e Bioenergéticos, partindo do conceito encontrado em 1988 e batizado como o PAR BIOMAGNÉTICO, conceito que nos leva ao entendimento de outro fenomeno o PAR BIOENÉRGETICO, onde já não se requer de campos magneticos ou eletromagnéticos para o seu manuseio, estudo e classificação; mas sim única e exclusivamente da capacidade mental, intuitiva e da fé e, onde se perdem ou anulam os principios elementares da ciência agora conhecida e de seus parâmetros como o tempo, a distância e a energia corporal e caímos no que a religião chama de “milagre” e a ciência de radiônica.

Tenho em minhas mãos a fotografia de 4 CHACRAS e em forma simplista, permite-me reafirmar que existem e algum dia poderemos fotografar os Pares Biomagnéticos, mas, indo um pouco mais adiante, chama a atenção que dois destes são brancos e brilhantes e os outros dois vermelhados e opacos e, me pergunto: Será por acaso, que estes pontos energéticos estão ou está em ressonância vibracional ou energética? Será que se trata da fotografia do primeiro Par Biomagnético Bioenergético? Será que estamos a porta para saltar ao próximo século ao conceito de bioenergética e por conseguinte ao par Bioenergético?

Mas, indo mais além, estas fotografias e as informações que agora entendo e pratico em meus pacientes, levaram-me a aceitação dos conceitos que outras culturas e em outras épocas já conheciam como o Yin e o Yang dos Chineses ou o Hometeotl e o Homeacath dos astecas, por citar só estes e então: Por que a ciencia atual ortodoxa nega, a priore, e exige comprovações científicas, do que já está mais que comprovado por evidência clínica?

Enfim, que na primeira edição do Par Biomagnetico (1995) exclamei o tempo me daria a razão e agora entendo que me deu, por que em 18 anos de investigação já passaram por minhas mãos 180.000 pacientes tratados em meus consultórios e, o melhor, já são mais de 2500 médicos preparados nesta disciplina…” ( extraído do livro PAR BIOMAGNÉTICO 5ed 2008, Dr Issac Goiz Duran).

 

Segundo Samael Aun Weor (Filósofo Humanista Gnóstico) o corpo humano, é apenas uma diminuta expressão da infinitude que nos compõe, e conta com recursos verdadeiramente impressionantes de auto-cura, regeneração, proteção, percepção, etc… por mais que se mergulhe na vastidão deste complexo humano, jamais se esgotam as surpreendentes descobertas acerca deste microcosmos infinito. Passar-se-iam séculos e milênios e mesmo com uma dedicação absoluta a ciência ainda estaria a descobrir…

Tristemente caminha o ser humano do berço à sepultura sem sequer vislumbrar que possui em seu interior tanta grandeza e magnitude.

Voltando o olhar neste momento ao simples e ao singelo, dos fatos mais corriqueiros da vida humana, como por exemplo, aquela mãezinha que sabe por intuição quando seu filho corre perigo, ou está enfermo, daquelas pessoas muito psíquicas que sonham e seus sonhos se tornam muitas vezes fatos concretos, e tantos outros detalhes inexplicáveis para uma ciência embutida no materialismo, nos deparamos então com a verdade inconteste de que existem no ser humano capacidades psíquicas ocultas conhecidos em linguagem mística como Chacras, discos ou rodas magnéticas contidos em nosso universo interior.

É indispensável saber que em todo o nosso corpo existem vórtices de energia ou chakras, e sete são os principais e estão relacionados com as funções endócrinas e exócrinas das nossas principais glândulas que controlam junto com os Chacras o funcionamento de todos os nossos processos orgânicos, anímicos e espirituais.

 

Tais rodas magnéticas ou Chakras estão alinhadas com a coluna espinhal e possuem o assento físico em alguma glândula ou órgão de nosso corpo. De maneira que o girar esplêndido de tais discos, resulta colaborando impreterivelmente com a saúde de todo o nosso organismo.

Despertar, desatrofiar, funcionar tais chakras é o magno desafio a que nos propomos para alcançar desta maneira a saúde e o desenvolvimento harmonioso das nossas infinitas possibilidades latentes e a saúde plena.

Na lei de afinidade vibratória se encontra a grande chave para encontrar a freqüência correta e fazer girar o Chacra buscando benefícios físicos e anímicos, podemos para tal utilizar em cada ponto físico que seja assento de um chacra um Par Biomagnético (DUPLO IMÃ), o DUPLO IMà alinhará seus arcos magnéticos aos arcos magnéticos do chacra em que estiver atuando até este entre na Ressonância de Harmonia Magnética, sendo este um  fenômeno que acontece quando um sistema físico recebe energia por meio de excitações de frequência igual a uma de suas frequências naturais de vibração, formando um campo magnético com uma força eletromagnética natural a saúde da glândula associada ao chacra.

Quais são os problemas de saúde que podem ser atenuados com o uso do DUPLO IMÃ nos pontos correspondentes aos Chakras principais?

 

 

  1. Chacra Coronário: Desequilíbrio do relógio biológico e do sono, tumores no cérebro, depressão, doença de Alzheimer, Parkinson, esquizofrenia, epilepsia, influencia na função dos outros chacras.                    Desequilíbrios emocionais: negligência espiritual.
  2. Chacra Frontal: dor de cabeça, sinusite, confusão mental, dificuldade de concentração, memória, otites, hiperatividade mental, influencia na função de todas as outras glândulas.                                              Desequilíbrios emocionais: ceticismo, materialismo, excesso de preocupação na vida, não saber dar limites na vida, excesso de negatividade, raiva do mundo.
  3. Chacra Laríngeo: problemas menstruais, asma, artrite, alergias, laringite, dor de garganta, herpes, problemas de cabelo e pele, descontrole no crescimento do corpo na infância, câncer de garganta, perda de voz, surdes, problemas de dente e gengiva.                                                                                                        Desequilíbrios emocionais: não conseguir falar, não conseguir opinar, reprimir sentimentos, não conseguir pôr em prática os projetos.
  4. Chara Cardíaco: infarto, angina, taquicardia, parada respiratória, deficiência pulmonar, circulação precária, baixa imunidade, enfisema pulmonar, câncer de mama, lupos, doenças do sangue, doenças arteriais, gripes.          Desequilíbrios emocionais: sentimentos reprimidos, tristeza, falta de compreensão, falta de sensibilidade, dores de perda, abandono, apego.
  5. Chacra Umbilical: deficiência digestiva e estomacal, úlcera, gastrite, oscilações de humor, depressão, introversão, hábitos alimentares anormais, instabilidade nervosa, câncer de estomago, desequilíbrio emocional, insegurança, medo, pânico, agonias, ansiedades, diabetes, obesidade, pancreatites, hepatites, compulsão por consumo, hérnia de hiato.                                                                                                                          Desequilíbrios emocionais: raiva, medo, insegurança, magoa, tristeza, remorso, intolerância, ansiedade, angústia, pânico, vitimizar-se, excesso de infantilidade, falta de flexibilidade, carência afetiva, vergonha é culpa.
  6. Chacra Prostático/uterino: deficiência no sistema linfático, falta de orgasmo, incapacidade de ereção, ejaculação precoce, descontrole no fluxo menstrual, acumulo de gordura acentuado na região do quadril, obesidade em geral, cistos nos ovários, infertilidade.                                                                                          Desequilíbrios emocionais: dificuldades nos relacionamentos com cônjuges, parentes, amigos, auto lidar-se de realizações na vida, falta de aceitação do corpo, baixa autoestima.
  7. Chacra coccígeo: indisposição física, falta de vitalidade, dor nas juntas, torcicolo, nervo ciático, desanimo de viver, falta de entusiasmo, problema nos ossos, hemorroidas, unha encravada crônica, infecções de rins e bexiga.                                                                                                                                                           Desequilíbrios emocionais: problemas familiares, excesso de responsabilidade pessoal, profissional e familiar, dificuldade na estrutura da vida, falta de emprego, falta de dinheiro.

Caso a pessoa seja adepta a vocalização e queira associar o uso do DUPLO IMÃ à prática poderá potencializar os resultados.

Prática para se integrar à ressonância eletromagnética e obter maiores resultados:

Concentre-se Chacra Frontal – vocalize o mantra I alongando (iiiiiiiiiiiii…) e com a insistência e perseverança daquele que jamais desiste de sua meta, pouco a pouco despertarás a capacidade de ver com clareza o ultra da natureza, as grandes realidades do universo e os fatos sublimes da criação. Clarividência é o nome deste sentido oculto situado na glândula Pineal.

Concentre-se no Chacra Laringeo – vocalizar o mantra E (eeeeeeee), em um estado de perfeito relaxamento e concentração, resultará no despertar do poder de síntese conceitual, e no desabrochar do ouvido mágico, o qual possuíam os grandes gênios da música como Beethoven, Mozart, Vivaldi, etc. Tal chakra mágico reside na Tireóide e Para-Tireóide.

Ao entoar a vogal O (oooooooo), ativamos os poderes sensíveis do cárdias, ou chakra do coração, que nos dá sensibilidade, inspiração e a magnifica intuição, que nos permite saber sem a necessidade de pensar, compreender sem o doloroso processo do raciocínio. Como dizia Albert Ainstein “Penso 99 vezes e não chego a resposta, paro de pensar e ela me chega”. Assim é a delicada intuição, um sentido de percepção interna, muito mais apurado que tudo aquilo que o intelecto vislumbra.

Todo o nosso sistema digestivo pode ser beneficiado de forma encantadora ao colocarmos em atividade o disco magnético do plexo solar, situado dois dedos acima do umbigo, também conhecido como chakra umbilical. U (uuuuuuu…) é o mantra que o desperta para a atividade. Aquele que ativa tal centro, adquire o dom da telepatia, e o domínio das emoções.

Através da dedicada vocalização do mantra A (aaaaaaa….) despertamos o chakra pulmonar, através do qual se pode rememorar as vidas passadas, e melhorar as condições deste orgão vital de nosso organismo.

Imitando ao mugido de um boi, vocalize-se diversas vezes o mantra M (mmmmmm….) para tirar da letargia ao chakra prostático/uterino. Além de uma exelente saúde em todo o sitema reprodutor, tal disco nos lega a capacidade de desdobrar em astral consciente.

Há ainda em nosso cóccix um chakra oculto que nos permite o domínio do corpo físico, o qual se ativa com o mantra S (ssssss…), cuja pronúncia imita ao sibilo da serpente.

Os chakras são sentidos de natureza bastante sensível e delicada, por tal motivo é necessário mais além de uma disciplina diária de vocalização mantrica, também o constante cultivar das virtudes humanas. Pois com ataques de ira, cobiça, inveja, luxúria, ciúmes e tantos sentimentos pesados de natureza infra-humana que desgraçadamente processamos, só o que conseguimos é danificar tais centros e prejudicar o seu harmônico desenvolvimento.

Assim que dentro de nós está o vasto universo de possibilidades infinitas, que sabiamente desenvolvidas e aproveitadas, nos conferem a genialidade, a inteligência mágica e a felicidade mais requintada do mundo espiritual. Praticai! Já dizia o grande médico Huiracocha: “é melhor vocalizar uma hora diária do que ler uma biblioteca inteira de livros”.

 

Adriane Viapiana Bossa

Fonte:

O Par Biomagnético, Dr Issac Goiz Duran – 2008

Fisiopatologia Biomagnética, Dr Issac Goiz Duran -2014

Noções Fundamentais de Endocrinologia e Criminologia – Samael Aun Weor – https://drive.google.com/file/d/0ByuJiBLnCPXgZm5kMVplQUo4Wms/view

 

2 comments
  1. Helena

    Excelente explicação!!!
    Vamos equilibrar nossos chakras.
    Para ter uma vida mais saudável.
    Gratidao🙌🏻🙌🏻🌟🙏🙏🙏🙏

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *